Instituição que atende pessoas com deficiência foi beneficiada com editais da Loterj

_MG_7123

A presidente do RioSolidario e primeira-dama do Estado, Maria Lucia Cautiero Horta Jardim, visitou, nesta segunda-feira (23/10), a Associação Fluminense de Reabilitação (AFR), em Icaraí, na Zona Sul de Niterói. O objetivo foi conhecer as instalações da instituição, inclusive, a sala de Independência Funcional e a Oficina Ortopédica, que serão contempladas com recursos de dois editais lançados pela Loteria do Estado do Rio de Janeiro (Loterj) e o RioSolidario.  A primeira-dama esteve acompanhada pela presidente da AFR, Nilce Müller Belchior, e pelo superintendente, Telmo Hoelz.

– Estou impactada. Já tinha conhecimento do trabalho da AFR, mas uma coisa é ouvir falar, e outra é ver. E eu estou feliz demais com o que vi aqui hoje, pois mostra que quando as pessoas querem e se dedicam, é possível desenvolver um trabalho de excelência e transformar a vida dos pacientes. A AFR é um exemplo que serve para qualquer ser humano, porque a dignidade e a forma como as pessoas são tratadas e os processos conduzidos me emocionaram. Tenho muito orgulho do RioSolidario ser parceiro desse projeto tão bonito –  afirmou a primeira-dama.

A AFR obteve a primeira colocação em dois editais de chamamento de instituições filantrópicas, que atuam no atendimento  a pessoas com deficiência. A instituição será beneficiada nos processos que estabeleciam o envio de projetos no valor de até R$ 400 mil para a realização de treinamentos e investimentos nos seus espaços, e no valor de até R$ 50 mil para a aquisição de equipamentos.

Com isso, a instituição irá aplicar os recursos no projeto que prevê a continuidade dos atendimentos em sua sala de Independência Funcional, que visa dar maior independência às pessoas com deficiências, e para complementar a montagem do serviço de confecção de palmilhas ortopédicas com o uso de impressão 3D.

– Sempre tivemos uma relação muito boa com o RioSolidario, então essa visita hoje é de extrema importância para a AFR, que venceu dois editais da entidade. Compreendemos que as pessoas precisam conhecer a obra, apesar de sermos credenciados em todo o Brasil e recebermos inúmeros pedidos de informações. Precisamos ter esse tipo de visibilidade e proporcionar um entendimento amplo dos serviços que são oferecidos na instituição. Mas, conforme suas próprias palavras, a sra. Maria Lucia se encantou com o nosso trabalho, o que muito nos honra e incentiva – avaliou a presidente da AFR.

Texto: AFR e RioSolidario

Fotógrafo: André Gomes de Melo