O projeto conta com oficinas educacionais sobre a situação das gestantes, mães e bebês

UMI

Com oficinas educacionais sobre a situação das gestantes, mães e bebês no sistema prisional e debates, a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) em parceria com a Secretaria Estadual de Saúde,  RioSolidario,  Instituto Masan, Fundação Xuxa Meneghel, Rede Nacional Primeira Infância (RNPI) e sua secretaria executiva (CECIP), RGE e UNICEF,  realizou a abertura oficial da I Semana Estadual do Bebê, na manhã desta quarta-feira (22/10), na Unidade Materno Infantil, no Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu.

O objetivo do evento, que acontece entre os dias 19 e 25 de outubro, é mostrar a importância de uma atenção específica à maternidade e ao desenvolvimento do bebê. Dentre as atividades planejadas, estão oficinas de criação de história, de confecção de sling e de direitos sexuais e reprodutivos. Também serão desenvolvidas atividades com os técnicos Seap, com foco nos direitos da infância e na humanização do atendimento.

Segundo o secretário de Estado de Administração Penitenciária, coronel Erir Ribeiro Costa Filho, deveríamos ter eventos como esse todos os dias.

– É importante a realização da Semana do Bebê na UMI para que as pessoas entendam e compreendam o isolamento das presas e o abandono que muitas vezes elas sofrem de seus familiares. Precisamos garantir os direitos e deveres, aproximando essas famílias ainda mais – afirmou Erir Ribeiro.

Além disso, ele destacou que já está fazendo projetos e procurando parcerias para a construção de uma unidade que abrigará as internas grávidas, que hoje estão acauteladas na Penitenciária Talavera Bruce.

– Espaço para construir essa unidade nós temos dentro da UMI. O projeto está aprovado e agora vamos buscar parcerias para a construção – disse o secretário.

Em sua primeira visita na unidade, o secretário de Estado de Saúde, Felipe Peixoto, ressaltou o compromisso com o bem-estar das internas.

– Sei que posso fazer ações aqui e nas unidades hospitalares. Vamos ajudar a humanizar ainda mais – disse Felipe Peixoto.

A subsecretária de Tratamento Penitenciário, Katia Coimbra Mendonça, falou do trabalho que vem sendo realizado.

– A direção da unidade vem se empenhando bastante para conseguir bons resultados, porém a ajuda dos parceiros é essencial. Gostaríamos de agradecer e pedir para que essa união não termine aqui – ressaltou Katia Mendonça.

A coordenadora do Unicef para o Estado do Rio de Janeiro, Luciana Phebo, explicou a importância deste evento em uma unidade prisional.

– A Semana do Bebê é uma iniciativa que o Unicef  promove em todos os lugares do Brasil. Aqui está tendo uma grande visibilidade e esse evento não termina no próximo domingo. Estaremos com vocês para dar continuidade ao trabalho, dando espaço e voz as grávidas e mães – falou Luciana Phebo.

Desde 2012 realizando projetos que tem por objetivo fortalecer o vínculo entre mãe e filho na UMI, o Instituto Masan, através da presidente Adriana Pinto, agradeceu a parceria com a Seap.

– Estamos aqui em uma corrente do bem. Essa unidade desenvolveu um trabalho sério e humanizado – reforçou Adriana Pinto.

Desenvolvendo o projeto Entrelaços desde 2014, a Fundação Xuxa Meneghel ajuda na construção e fortalecimento dos vínculos afetivos primários e a inter-relação da criança e seu cuidador direto. A coordenadora do Programa de Redes e Incidência Política da Fundação, Ana Paula Rodrigues, citou a importância de parcerias como essa.

– Vamos dar continuidade aos resultados dessa semana, gerando ainda mais oportunidades – afirmou Ana Paula Rodrigues.

Para a coordenadora da Secretaria Executiva da Rede Nacional da Primeira Infância, Beatriz Corsino Pérez, foi uma oportunidade de diálogo das presas e da situação que elas vivem no cárcere.

– É uma chance de promover a discussão junto ao poder público. Por isso, a presença das autoridades é de extrema importância para levantar a bandeira e dar visibilidade a questão das parcerias com um atendimento mais especializado – comentou Beatriz Pérez.

Texto: Carolina Motta e Vanessa Oliveira

Fotos: Bruno Itan