RioSolidario leva Jovens da JCRÉ Facilitador ao Veste Rio (Crédito: Carlos Magno)

RioSolidario leva Jovens da JCRÉ Facilitador ao Veste Rio (Crédito: Carlos Magno)

Luz na passarela! Essa luz é exatamente o que o empreendedor Júlio César Lima quis trazer à comunidade do Jacarezinho, onde nasceu e foi criado. “Falavam de perigo, falta de saneamento básico, tráfico… então pensei: o que posso fazer para que minha comunidade seja vista de outra forma?”

Ele tinha apenas 19 anos quando começou a trabalhar como porteiro. Manuseando uma das revistas de maior expressão no mundo da moda, ele percebeu que as meninas de sua comunidade eram parecidas com muitas mulheres de sucesso nesse mercado.

Coodenadora comercial do evento acompanhou o grupo em visita guiada (Crédito: Carlos Magno)

Coodenadora comercial do evento acompanhou o grupo em visita guiada (Crédito: Carlos Magno)

Vislumbrando o potencial de meninos e meninas da Zona Norte do Rio de Janeiro para a moda, Júlio criou em 2002 o projeto JCRÉ Facilitador, que hoje atua como agência de modelos, escola de beleza e produtora de conteúdo. Nesta sexta-feira (11) o RioSolidario levou jovens desse projeto à oitava edição do Veste Rio, evento que se tornou a principal plataforma de moda do País e reúne as principais tendências do Outono-Inverno 2020.

“Hoje somos um porta-voz do Jacarezinho. Através de moda e beleza, falamos do nosso lugar de um ponto de vista do morador”, conta Júlio, que destaca a importância da valorização dos talentos da periferia. “Está na hora da consciência social e ter consciência social é ser solidário. Quem inclui pessoas em grandes eventos mostrando que elas também são potências é visionário. Com ações como a de hoje, o RioSolidario consegue fazer isso. Não criamos modelos para ser do Jacaré, mas do mercado, das grandes marcas”.

Talentos da zona norte do Rio subiram à passarela da principal plataforma de moda do país (Crédito: Carlos Magno)

Talentos da zona norte do Rio subiram à passarela da principal plataforma de moda do país (Crédito: Carlos Magno)

Futuro da moda

Depois de conhecer as marcas que participam do evento e entender os bastidores da produção durante uma visita guiada por Flávia Martorelli e Nathalia Cintra, coordenadoras do Veste Rio, os jovens não poderiam deixar de marcar presença no espaço mais desejado: a passarela.

Durante o passeio eles também conferiram os lançamentos das marcas presentes (Crédito: Carlos Magno)

Durante o passeio eles também conferiram os lançamentos das marcas presentes (Crédito: Carlos Magno)

Na tarde anterior, alguns deles haviam assistido a um desfile. Foi a primeira vez em que Andressa Matos, de 20 anos, esteve tão próxima a uma passarela. “Foi uma experiência incrível conhecer mais sobre a produção do evento e sobre as marcas que apresentam seu trabalho aqui. As explicações que recebemos da coordenação foram enriquecedoras para nossa carreira”, avalia.

Flávia Martorelli valoriza a presença do RioSolidario em um evento com essa magnitude. “É importante o RioSolidario mostrar a esses jovens o que eles podem aprender e em que podem se transformar. O Veste Rio é um evento aberto a todos e busca sempre novos conceitos, novos talentos. Queremos mostrar que você pode começar pequeno e, mesmo com todas as dificuldades, conquistar o mundo”, afirma a coordenadora comercial do Veste Rio.

“O foco do RioSolidario está na capacitação e na educação. Trazer esses jovens a um evento como o Veste Rio é a certeza de agregar à carreira deles uma oportunidade de contato direto com o que buscam para seu futuro. Experiências como essas ficam marcadas na vida deles – conta a diretora executiva do Rio Solidário, Juliana Dias.

Diretora executiva e assessor jurídico do RioSolidario estiveram presentes na ação (Crédito: Carlos Magno)

Diretora executiva e assessor jurídico do RioSolidario estiveram presentes na ação (Crédito: Carlos Magno)