A Casa Abrigo Betel foi contemplada pelo edital Loterj Já – Autonomia Sim I, com quase R$ 400 mil. RioSolidario também fez a entrega de 15 computadores para a instituição

Projeto_Betel

O programa Loterj Já – Autonomia Sim I continua a colher bons frutos. O projeto Creia, elaborado pela Casa Abrigo Betel, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, já atende a 240 crianças, adolescentes e adultos com deficiência de Nova Campinas, além de levar mais atividades aos 53 abrigados pela instituição. O projeto recebeu R$ 396.834,00 através do edital, lançado em agosto de 2015 pela Loteria do Estado do Rio de Janeiro (Loterj), em parceria com o RioSolidario.

O projeto conta com diversas atividades extracurriculares, para estimular o aprendizado de pessoas com deficiência, bem como atendimentos de áreas como nutrição, neurologia, psicologia e fisioterapia.

– Em pouco tempo de projeto, pois começamos em junho deste ano, já temos bons resultados. As mães já comentam que as crianças aprenderam a ler e escrever, e já se relacionam melhor com outras pessoas – diz Daniel Ignácio, diretor da Casa Abrigo Betel.

Segundo ele, antes de entrar para o projeto, é feita uma avaliação técnica, que dá prioridade para pessoas em situação de risco, vulnerabilidade e isolamento social.

Para que o projeto pudesse acontecer, foram montadas três salas de atividades e três consultórios dentro da própria instituição. Em uma delas, computadores permitem o acesso à internet e a atividades diferenciadas para a pessoa com deficiência. Nas demais, crianças, jovens e adultos participam de diferentes oficinas, como leitura e artesanato.

Na quinta-feira (13/10), o RioSolidario realizou a entrega de quinze máquinas completas (com monitor, CPU e teclado), para a instituição. O objetivo é que eles substituam os dez computadores, até então alugados com a verba do projeto. Os aparelhos haviam sido doados à ONG pela Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj).

– Sabemos das dificuldades que as instituições, principalmente os abrigos, têm passado. Com esta doação, o dinheiro, antes usado para o aluguel dos computadores, pode ser empregado em outras áreas do projeto – explica Monica Miranda, coordenadora do Programa de Doações do RioSolidario.

Programas Autonomia Sim I, II e III

Lançado em agosto de 2015, pela Loterj, em parceria com o RioSolidario, o edital Loterj Já  – Autonomia Sim I contemplou as regiões Metropolitana, Sul, Norte e Noroeste, Serrana e Baixada Fluminense. No total, 16 instituições tiveram seus projetos aprovados no chamamento público, que disponibilizou R$ 4 milhões para subvenção social de entidades que atendem pessoas com deficiência.

Ainda no ano passado, também foram lançados os editais Loterj Já – Autonomia Sim II e Loterj Já – Autonomia Sim III. O primeiro programa disponibilizou R$ 2 milhões para compra de equipamentos, e o segundo, R$ 3 milhões para subvenções.

Para saber mais sobre a Casa Abrigo Betel, acesse: http://abrigobetel.com.br/. Ou entre em contato pelo telefone: (21) 3658-4762.

Texto: Gabriela Murno

Fotos: André Gomes de Melo