Em parceria com o RioSolidario, o Instituto Masan ofereceu capacitação profissional de auxiliar de cozinha e lactarista

IMG_4398

O Instituto Masan realizou, na sexta-feira (27/11), a formatura de 162 alunos do programa Quebrando Barreiras que tem o RioSolidario, a ONG Entre Amigas, MetrôRio e Invepar como parceiros. Moradores comunidades pacificadas, os formandos receberam seus certificados dos cursos de auxiliar de cozinha e lactarista, e já podem atuar no ramo gastronômico.

Aline Bieites, coordenadora do programa Futuro Agora do RioSolidario, participou da cerimônia e ressaltou a importância da nova formação para o futuro dos jovens e adultos.

– Ao participar do curso, todos estão dando mais um passo para o futuro. E tenho certeza que será um futuro muito promissor. O RioSolidario tem a honra de ser parceiro nesse projeto e parabeniza a todos os formandos – disse Aline.

Além de oferecer capacitação profissional, o Quebrando Barreiras também promove a inserção dos alunos no mercado de trabalho. Ao término dos cursos, todos os interessados podem participar do processo seletivo e podem integrar o quadro de colaboradores da Masan e seus parceiros.

O jovem Marcelo Vinícius da Gama, de 25 anos, morador do Complexo do Alemão, já começou a trabalhar no Hospital Naval Marcílio Dias, como auxiliar de cozinha.

– Sempre trabalhei em cozinhas. Agora ganhei ainda mais experiência, conheci novas técnicas e aprendi mais sobre os alimentos. Em janeiro, já vou fazer teste para ser cozinheiro no hospital – destacou Marcelo Vinícius.

Moradora do Chapéu Mangueira, Maria Aparecida Alves, de 56 anos, conhecida pelos colegas de curso como Cida, estava muito emocionada na cerimônia de formatura. Ela, que se inspirou na mãe quituteira, sonha agora em trabalhar profissionalmente com culinária. A meta é abrir, na comunidade, um restaurante voltado para a alimentação saudável.

– Só cozinhava em casa e sempre sonhei em entrar em uma cozinha industrial. Quebrar barreiras significa para mim não só aprender novas técnicas e mais sobre alimentação. No curso, tive também a oportunidade e o desafio aprender a conviver com pessoas muito diferentes de mim – comemorou Cida.

O programa Quebrando Barreiras tem como objetivo qualificar moradores de comunidades pacificadas, egressos do sistema prisional e pessoas com deficiência em cursos de capacitação profissional de auxiliar de cozinha, lactarista e copeiro.  Os cursos, que são compostos por aulas práticas e teóricas de disciplinas como ética, matemática e português, é ministrado no Centro de Capacitação da Masan, que fica na sede da ONG Entre Amigas, no prédio do MetrôRio.

Texto: Gabriela Murno

Fotos: Bruno Itan