Equipe do RioSolidario participa de evento de conscientização sobre o câncer de mama (Crédito: Nelson Perez)

Equipe do RioSolidario participa de evento de conscientização sobre o câncer de mama (Crédito: Nelson Perez)

O RioSolidario abraçou a causa do Outubro Rosa, campanha internacional realizada anualmente com o objetivo de compartilhar informações e promover a conscientização sobre o câncer de mama, proporcionar maior acesso aos serviços de diagnóstico e de tratamento e contribuir para a redução da mortalidade.

Psicóloga orienta equipe sobre o autoexame durante palestra (Crédito: Nelson Perez)

Psicóloga orienta equipe sobre o autoexame durante palestra (Crédito: Nelson Perez)

Nossa equipe e parceiros se juntaram a esse movimento promovendo uma arrecadação de lenços, chapéus, toucas e bonés novos ou usados em bom estado. As doações foram entregues à Associação dos Amigos da Mama (ADAMA) nesta quarta-feira (30), em evento realizado em nosso auditório.

A psicóloga Regina Fernandes, voluntária da ADAMA, abriu o evento apresentando estatísticas sobre a saúde e especificamente sobre o câncer – tanto em homens e mulheres -, além de indicar os cuidados necessários à prevenção do câncer de mama, que atinge indivíduos de ambos os sexos.

Adametes conscientizam por meio da música em paródias envolvendo a temática da prevenção (Crédito: Nelson Perez)

Adametes conscientizam por meio da música em paródias envolvendo a temática da prevenção (Crédito: Nelson Perez)

“O câncer não é um ponto final, é uma virgula. Mas tem um impacto enorme não apenas na vida de quem passa por isso, mas de todos que estão no entorno dessa pessoa. Mas há formas de passar pela doença. Podemos sim ser felizes, dar a volta por cima”, conta Regina durante a palestra.

Quem assumiu o “palco” em seguida foram as “Adametes”, grupo cultural formado por mulheres que já tiveram câncer de mama e hoje cantam paródias musicais nas quais abordam referências aos cuidados necessários à prevenção da doença.

No repertório, melodias que dão vida a canções de Anitta, Ludmilla e Naldo se somam a letras que aludem à temática. A importância do autoexame, a disciplina na busca pela orientação médica com o mastologista e a valorização da saúde foram algumas das mensagens deixadas nas músicas interpretadas.

“É um trabalho que fazemos de coração. Cantamos com o coração. Antes não tínhamos essa informação que hoje é transmitida. O grupo está sendo bem aceito porque falamos de vida. Representamos o cuidado, a preocupação com a saúde, com a vida”, afirma Maisa Vasconcelos, líder do grupo.

Doações arrecadadas serão direcionadas à ADAMA (Crédito: Nelson Perez)

Doações arrecadadas serão direcionadas à ADAMA (Crédito: Nelson Perez)