Nesta época do ano, a demanda aumenta em todo o estado

Hemorio

O Hemorio alerta para o baixo número de comparecimentos para doação de sangue desde o início de dezembro. Nesta época do ano, a demanda de sangue aumenta em todo o estado, principalmente por causa do número de acidentes nas estradas. Para manter os estoques de sangue confortáveis, o salão de doadores da unidade, no Centro do Rio, deve coletar, diariamente, cerca de 300 bolsas de sangue. A média tem sido de apenas 150.

— Contamos com o apoio da população do Rio de Janeiro para manter os estoques em bom nível durante as festas. A doação de sangue é um presente que as pessoas podem dar a quem precisa neste Natal – afirmou o diretor-geral do Hemorio, Luiz Amorim.

Não é preciso jejum

Para doar sangue, é preciso ter entre 16 e 69 anos, pesar mais de 50 quilos, estar bem de saúde e portar um documento de identidade oficial com foto. Jovens com 16 e 17 anos só podem doar sangue com autorização dos pais ou responsáveis legais.  O modelo da autorização pode ser adquirido no site do Hemorio.

Não é necessário estar em jejum, apenas evitar apenas alimentos gordurosos nas quatro horas que antecedem a doação e não ingerir bebidas alcoólicas 12 horas antes. O Hemorio funciona todos os dias, das 7h às 18h, incluindo sábados, domingos e feriados, na Rua Frei Caneca, n° 8, no Centro do Rio.

Foto: Rogério Santana