Monteiro Lobato foi um dos principais autores “lidos” pelas crianças

Projeto Leitura Monteiro Lobato - Creche Vila do João

Na parede de um dos Espaços de Educação Infantil do RioSolidario, a pequena Luiza Rodrigues, de 3 anos, aponta, orgulhosa, o resultado de sua participação no Projeto de Leitura da creche: a pintura do Visconde de Sabugosa, personagem do Sítio do Pica-Pau Amarelo.  O trabalho artístico é uma das formas desenvolvidas pelas creches para despertar o hábito da leitura na vida dos pequenos alunos, desde o berçário.

O projeto pedagógico “Conte um conto” é anual e desenvolvido para os alunos das três creches do RioSolidario: na Cidade de Deus; no Batan, em Realengo; e na Vila do João, no Complexo da Maré.

A literatura é trabalhada de múltiplas formas:  através da  contação de histórias para as crianças; dramatização dos textos lidos, com elaboração de fantasias dos principais personagens; desenhos e colagens para os menores.

Na Cidade de Deus, a diretora da creche destacou os benefícios da leitura na vida das crianças:

– O impacto imediato é na parte cognitiva do aluno, desenvolvendo sua criatividade e linguagem oral. Além disso, será desenvolvido o prazer pela leitura, o que  trará frutos  a longo prazo, enriquecendo sua linguagem escrita e seu exercício da cidadania – explicou a diretora, que contou com a participação dos pais que leram para os filhos em casa.

A diretora da Creche do Batan, Majói de Paula, apontou a diversidade de literatura como instrumento de enriquecimento cultural dos alunos:

– Acreditamos que, para formar bons leitores, é preciso que a criança tenha acesso aos diversos tipos de leitura, o que garante o seu crescimento pessoal e cultural, além do aprendizado para toda vida – pontuou Majói.

Na creche da Vila do João, no Complexo da Maré, os clássicos infantis foram os preferidos. Monteiro Lobato foi um dos homenageados pela ocasião do aniversário do autor:

– O projeto nasceu com a missão de encher de fantasia a nossa creche. Usamos, preferencialmente, os clássicos infantis, como os de Monteiro Lobato. Foram criados momentos onde combinamos história, música e movimento estimulando a imaginação, a criatividade, a linguagem oral e o esquema corporal – destacou a diretora da unidade, Valéria Paiva.

O Projeto de Leitura foi realizado em abril, no entanto, o incentivo à leitura é desenvolvido através de inúmeras atividades durante todo o período educacional do aluno.

 

Texto: Gabriela Hilário

Foto: Clarice Castro