Jovens das unidades de Cordovil, Sepetiba e Degase  concluíram cursos de Informática e Poesia Falada

 

_MG_6662

Cerca de 160 alunos se formaram nos cursos de Informática e Poesia Falada das unidades Casa Futuro Agora, que é um espaço que conta com cursos profissionalizantes gratuitos. Nesta sexta-feira (31/03), foi a vez dos formandos da unidade de Cordovil. Os outros estudantes são adolescentes em conflito com a lei do Departamento Geral de Ações Socioeducativas (Degase), que também concluíram informática, e os jovens da unidade de Sepetiba, que se formaram em Poesia Falada.

A formatura nas unidades do Degase e  Sepetiba foi para 16 alunos, respectivamente. Já na  unidade de Cordovil, a cerimônia que também  foi descontraída, reuniu parte dos 130 alunos, que finalizaram os três primeiros módulos de informática realizada na Paróquia Nosso Senhor do Bonfim.

A coordenadora do projeto Casa Futuro Agora do RioSolidario, Luiza Teixeira, explicou que, para alguns jovens, o curso pode ser um divisor:

– Este programa é importante, pois além de dar oportunidade para jovens que, às vezes, moram em regiões que os cursos não chegam, eles contribuem para ampliação da visão do mundo do trabalho – destacou.

Um dos formandos, o adolescente Robert Pereira pontuou a transformação social e profissional que o curso proporcionou:

-Eu ficava em casa o dia inteiro sem fazer nada, pois estudava à noite. Então, entrei no curso, mas sem interesse. Só que comecei a gostar, mudei meu comportamento, consegui um emprego como bibliotecário em uma faculdade e estou muito contente.  Eu não tinha planos para o futuro, agora quero fazer concurso público – garantiu o jovem.

Quem também passou por uma importante mudança de perfil foi a atendente de telemarketing, Janaína de Andrade:

– O curso está me curando da depressão. Eu não trabalho por causa da doença e, antes, sequer saía de casa.   Resolvi fazer o curso para ver se ajudava e até o meu médico atestou que estou me recuperando. Eu comecei o curso para sair da depressão e agora vou continuar para mudar minha vida profissional – enfatizou.

A Casa Futuro Agora é um espaço de conhecimentos e preparação de jovens para o mundo do trabalho. A iniciativa é financiada com recursos oriundos de acordo entre a Cedae e o Ministério Público do Trabalho (MPT-RJ), em ação trabalhista ajuizada pela instituição contra a companhia.

 

Texto: Gabriela Hilário

Fotos: André Gomes de Melo