Equipamentos recebidos pelo marido através do Plantão Social sensibilizaram Cristina a tornar mais feliz o Natal de crianças atendidas pelo RioSolidario; reflexo é sentido nas famílias e profissionais de instituições beneficiadas

RJ 17-12-2018- Natal na creche Vila do João. Fotógrafo: André Gomes de Melo

Sorrisos contagiam doadores presentes na entrega e também os profissionais das instituições benena creche Vila do João (Crédito: André Gomes de Melo)

O RioSolidario já começou suas atividades em 2019, mas os reflexos do Natal do ano passado  ainda são sentidos por doadores e beneficiados. Um total de 2.485 doações, entre brinquedos, livros, alimentos e outros itens alegraram o fim de ano de crianças e idosos. Dentre os donativos, 1.603 brinquedos novos e 176 livros ajudaram a contemplar os Espaços de Educação Infantil mantidos pelo RioSolidario e outras 12 instituições de 10 municípios do nosso estado.

Despertando a consciência

Moradora do bairro do Jacaré e mãe de duas filhas, Cristina Santos participou de forma decisiva do Natal das 45 crianças da Creche São Vicente de Paulo, em Tanguá, município da região metropolitana do estado. Ela já acompanhava matérias sobre campanhas de doações nas redes sociais, mas o que a despertou de vez para a possibilidade de tornar mais feliz o Natal de outras pessoas foi uma situação em que sua família recebeu ajuda, em outubro de 2018.

O Plantão Social do RioSolidario cedeu ao marido de Cristina uma cadeira de rodas e uma cadeira higiênica, equipamentos que o auxiliaram na recuperação após uma questão de saúde. “Já tínhamos a vontade de ajudar pessoas que precisam e, com a felicidade de ver o auxílio que meu marido recebeu, a vontade de retribuir fazendo o bem por alguém ficou ainda maior”, conta Cristina.

RJ 17-12-2018- Natal na creche Vila do João. Fotógrafo: André Gomes de Melo

Mais de 230 brinquedos novos fizeram a alegria das crianças na creche Vila do João., atendida pelo RioSolidario (Crédito: André Gomes de Melo)

Já conhecendo o trabalho do RioSolidario, ela entrou em contato com amigas para organizar uma força-tarefa que transformaria o fim de ano dos pequenos. “No dia da entrega das doações, levei comigo minhas duas filhas, minha mãe e uma amiga. Hoje, graças a Deus, conseguimos comprar coisas melhores para as meninas, então foi bom levá-las para que elas vissem a importância de ajudar o próximo e ganhar um sorriso.”

Reflexo na família e nas instituições

A alegria pelas doações recebidas não fica restrita às crianças. Coordenadora do Educandário São Lázaro – localizado em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense –, Vera Lúcia Ribeiro relembra a felicidade estampada no rosto das crianças no dia da entrega dos presentes. “Foi muito bonito ver a felicidade das crianças, que nunca haviam tido aquela oportunidade. As lembranças que dávamos eram dentro das nossas possibilidades, mas o que o RioSolidario fez foi além do que esperávamos. Não temos como agradecer por esse dia.”

Consciente das condições das famílias dos pequenos, a coordenadora reforça a importância do trabalho desenvolvido pelo RioSolidario. “Não apenas as crianças ficaram felizes, mas também os pais, surpresos ao ver que seus filhos receberam exatamente o que haviam pedido. São coisas que a comunidade não pode proporcionar e o RioSolidario consegue desempenhar essa função, algo que nem sempre as condições da família permitem.”

RJ 17-12-2018- Natal na creche Batan. Fotógrafo: André Gomes de Melo

Papai Noel fez a alegria das crianças também na creche Batan (Crédito: André Gomes de Melo)

Natal para todos

A campanha de 2018 trouxe alguns diferenciais em relação às dos anos anteriores. Um exemplo disso foi atender também à terceira idade. Além dos brinquedos, foram doados 84 presentes de Natal para os idosos do Asilo São Vicente de Paulo e do Asilo Lar das Anciãs.

A arrecadação também foi composta por alimentos não perecíveis, produtos de higiene e beleza, fraldas geriátricas e infantis. Além das crianças das instituições beneficiadas, foram contempladas também as crianças pertencentes às famílias atendidas pelo Plantão Social durante 2018.